ALDEIA DA MATA PEQUENA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

aldeia-da-mata-11-1

aldeia-da-mata-49-1-6

aldeia-da-mata-9-1

aldeia-da-mata-4-1

aldeia-da-mata-7-1-1

aldeia-da-mata-6-1

aldeia-da-mata-7-1

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

aldeia-da-mata-17-1

aldeia-da-mata-14-1

aldeia-da-mata-13-1

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

aldeia-da-mata-1

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFOTOS: Luciana Pinto

A Aldeia da Mata Pequena é um pequeno povoado rural, composto por uma dezena de habitações, situado a 30 minutos de Lisboa. A cidade histórica de Sintra fica a 20 minutos e Mafra com seu Palácio Nacional está a 15 minutos de carro.

A presença humana na Mata Pequena remonta ao período da ocupação romana, como atestam os vestígios aí encontrados. Contudo, dos 70 habitantes que viviam na aldeia no século XIX, só restam uma dezena e meia que teimam em manter vivos os usos e costumes do passado.

Trata-se de um lugar enquadrado na denominada Zona de Proteção Especial do Penedo do Lexim onde se ergue um vulcão já extinto que acolhe uma importante estação arqueológica.

A Aldeia destina-se ao turismo rural. Possui casas simples, rústicas, pequenas e muito acolhedoras que foram rigorosamente recuperadas do que restava de paredes e ruínas. Os materiais utilizados são os originais: alvenaria de pedra, argamassas de cal, madeiramentos de choupo, cedro e casquinha, telha de canudo, pavimentos em lajedo de pedra, tijolos cozidos em fornos a lenha, caiação de paredes… proporcionando perfeita harmonia entre natureza e arquitetura.

 

Anúncios